Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Ele, o microfone e a mamã

"Radicalismos" de uma mãe galinha, rabiscos e cantorias do pequeno príncipe T e vida, muita vida para vos mostrar. No nosso T3 vivemos e sorrimos muito.

Ele, o microfone e a mamã

"Radicalismos" de uma mãe galinha, rabiscos e cantorias do pequeno príncipe T e vida, muita vida para vos mostrar. No nosso T3 vivemos e sorrimos muito.

A VISITA AO QUARTEL DOS BOMBEIROS

15.08.18 | Liliana Silva

IMG_20180814_114330753.jpg

 

Ontem pela manhã decidimos sair de casa com o intuito de visitar as novas obras de arte urbana da cidade. Confesso que aquela que mais me prendia a atenção, das muitas que já temos por cá, era uma situada no largo ao lado dos Bombeiros Voluntários. Um mural lindíssimo, com cores de fogo e bombeiros a combater. Não haveria local melhor, e muito menos figuras mais verídicas para retratar. Está realmente fantástica.

Depois das fotos tiradas, as possíveis dado o tamanho do mural, o pequeno príncipe T confidenciou que o que queria mesmo era visitar o quartel dos bombeiros. Achei que não seria possível, dado que não tinha feito qualquer contacto com o quartel a pedir informações, mas decidi fazer-me de "heroína" e satisfazer o pedido do mini cá de casa. Em direcção à montra de carros de combate, ambulâncias e desencarcerador, o T começou a ficar entusiasmado e a correr em busca dos automóveis. Ainda tentei pegar nele ao colo e mostrar-lhe tudo de fora, mas óbvio que  ideal seria ter quem nos fizesse visita guiada 

"Soou o alarme" interior da boa vontade daquela gente e só oiço uma voz "olha está ali um miúdo, importaste de lhe mostrar as viaturas?" nisto surge atrás de nós o herói daquela manhã para o pequeno príncipe T, o bombeiro João Tiago. Alto, magro e com um sorriso cheio de paciência pergunta o nome ao miúdo e começou ali a nossa curta mas tão deliciosa visita às principais viaturas dos bombeiros. O mini esteve no carro desencarcerador, viu a "tesoura" que "recorta" os carros quando há acidentes, viu as mangueiras do carro que abastece as viaturas mais pequenas e delírio dos delírios "conduziu" uma ambulância em marcha de emergência, ligou as luzes e tocou a sirene.

IMG_20180814_113734243.jpg

 

Demorou pouco mais de 10 minutos esta experiência, foi de uma simplicidade extrema, mas o bombeiro João Tiago conseguiu surpreender o pirralhito e deixá-lo com aquele sorriso rasgado e com o brilho no olhar.

IMG_20180814_114245204.jpg

A ele o meu muito obrigada pela paciência para as perguntas e para o colo de carro em carro que dispensou ao meu filho. Aos Bombeiros Voluntários o meu eterno agradecimento por tudo o que deixam para trás em prol das nossas vidas, e aos Voluntários da Covilhã, um bem-haja especial porque continuo a precisar de vocês, ainda que indirectamente, continuamos a servir-nos dos vossos préstimos há já 14 anos

Ps. O livro Pafi e o incêndio no parque de merendas está a venda nas cadeias de hipermercados Intermarché e é já o segundo livro de Lara Xavier e Raquel Santos, que fala destas temáticas dos fogos para os mais novos. Recomendo a 100%

#bombeirosvoluntariosdacovilha

#pafi

 

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.